sábado, 30 de março de 2019

NADA



tenho saudades de tudo
"que inda que mágoa
é vida"

tudo passou
pouco ficou 
apenas passou

aquilo que foi
ou o que poderia ter sido
não foi
o que será

nada posso
do que deverá ser 
mas tenho saudade
do que possa ser

saudade por acontecer

tempo 
lembrança do que restou
por viver

o dia
o momento
diz o Poeta "domina ou cala" 

tudo é nada


[entre aspas, Pessoa]

Rio de Janeiro, março de 2019

domingo, 17 de fevereiro de 2019

PENSANDO NA VIDA



Mariana hoje
Lucas logo depois 


Canto a vida porque me deu tudo
um filho uma filha
quatro netos incríveis
não preciso recordar
vivo dessa união
que não dispensa a mãe
peça central
nada me nega
nem mesmo o que não peço
e vou navegando
nesse rio do tempo
antes de chegar ao mar
nesse barco nunca à deriva
fevereiro é festa
do 17 hoje ao 29
que será primeiro de março
comemoro minha filha e meu neto
para mim eternas praias
onde descanso no amor
esse sentimento imperecível de vida

Rio de Janeiro, 17 de fevereiro de 2019

domingo, 10 de fevereiro de 2019

FLAMENGO


meninos

palavras escondem o que dizem
revelam o que pensamos
mas que nem sempre sentimos

cada passo é diferente
magia do ir e vir
por isso vale a pena gritar
palavra que não quero ouvir
ouço-a muito bem
mas esqueço de sentir
quando vai
menos de quando vem

na liberdade o poeta
o sol canta bem cedo
e acaba à tarde em noite
para a palavra não basta virar a página
difícil será esquecê-la

o sol desponta cada manhã

assim a tristeza hoje
disfarça a buliçosa alegria
dos que pouco atrás
ante-ontem
presentes ainda nos deram

Rio de Janeiro, fevereiro de 2019.